Otimismo


Sem pedir off, Jota Ney segue garantindo que se for candidato à prefeitura, em outubro, ganha de quem quer que seja, “inclusive no primeiro turno”, diz.