Promiscuidade


No total, 25 ex-prefeitos estão no listão de devoradores do erário no Amapá, o que acende sinal de alerta para as eleições de outubro.
Afinal, cautela e caldo de galinha não fazem mal a ninguém.