Redenção


Caso se concretize renegociação, Macapá terá mais recursos para investimentos, porque se livrará do ônus de pagar mensalmente R$ 4 milhões todo mês à Previdência.
Presidente Temer já prometeu editar MP que também incluirá a dívida tributária.