Por efeito


Os mais de 400 trabalhadores demitidos, que moram em Laranjal do Jari, pertenciam à NDR Agro Florestal, com serviços terceirizados à Jari Celulose, no Vale do Jari.