Virada


Juíza Elayne perdeu no Tjap, mas ganhou de lavagem no CNJ, pra que fique afastada do exercício da magistratura enquanto presidente da Associação dos Magistrados do Amapá.