Indenização



MPF-AP aciona na Justiça Federal a Cachoeira Caldeirão para pagar R$ 15 milhões por provocar mortandade de peixes no rio Araguari, além de bloqueio judicial de R$ 2 milhões da empresa para assegurar compensação de dano ambiental decorrente das suas atividades.