Contra-ataque



Da bancada federal em Brasília, até ontem só Randolfe (Rede) havia manifestado ranger de dentes em reação ao reajuste de 37% na conta de energia elétrica no Amapá.
Ficou de agendar no correr desta semana conversa com gente da Aneel, de onde partiu a ordem do aumento, considerado como ‘abusivo e insuportável’ ao bolso do povaréu.