Quebra, quebra


Plenário da CVM veio abaixo dia desses por mal entendidos sobre novas leis de Clécio à aprovação, que, pro bom entendedor, apenas visam legalizar progressão funcional de servidores, ‘em vez de cortar barato deles’, como já levado às redes.