Elas


Ministra Fátima Pelaes liberou R$ 500 mil para o Ifap, na qualificação de mulheres em situação de vulnerabilidade social, dentro do projeto Rede Brasil Mulher.