Tragédia



Padre Paulo faz as contas e revela: toda semana pelo menos um paciente é encaminhado pelo Ijoma para tratamento de câncer em outros estados. Segundo ele, tratamento em Macapá é “uma tragédia”, por falta até agulha na Unacon (HCal).