Cárcere



Presa desde 11 passado, Dayane Lima teve negado pedido de liberdade pelo juiz da 4ª Vara de Belém.
Acusada de participação no desvio de recursos da previdência no Amapá e Pará, ela nega o crime.