Mobília de casa


Ofirney, que nunca saiu do PSDC, apesar do rápido ‘namorico’ com o PHS, lança dois manos à vereança, em STN: Leda Sadala e Pastor Kennedy —este último ex-finanças da prefeitura santanense.