Insistência



Estranhamente, em se tratando de Amapá, em vez dos políticos, dessa vez é a classe empresarial quem mais tem pressionado WGóes a enfiar Jaime Nunes na vice dele, em outubro.
Que, se eleito, vira governador quando WGóes tiver que sair pra disputar o Senado.