Mais um



Davi, do DEM, é o líder em gastança no Senado, mas não é único do Amapá, porque Capiberibe (PSB) vem logo atrás, em 2º lugar, com R$ 1,28 milhão.
Mas foi um pouco mais parcimonioso no ítem ‘divulgação’, onde gastou R$ 236.200,00, cerca de R$ 525.175,60 a menos que o democrata Alcolumbre.