Megafone



Sem o esperado reforço do PR, que foi pro colo de Alckmin, Bolsonaro (PSL) terá que superar Enéas por causa do reduzido tempo de TV e Rádio.
Ou se valer de megafone e ir pras praças para se fazer ouvir pelo eleitorado.