Dúvida



Pelo menos até quarta, 29, Gilvam Borges segue ocupando posto no oficialato emedebista, na aliança capitaneada por WGóes.
Mas, a partir daí, se consumar ruptura, só Deus sabe em que novo porto seguro vai atracar barca, ainda de olho grelado no Senado.