Inadimplência



O PT esqueceu de prestar contas de mais de R$ 500 mil da última eleição (municipal), perdeu prazos e agora se vira nos 30 por um Refis eleitoral, mas ainda condicionado à aprovação do TSE, pra onde está recorrendo.