Leilão



Com lance mínimo de R$ 5 milhões, área de 22 mil metros quadrados do Porto de Santana, destinada à carga vegetal, como cavacos de madeira, foi a leilão nesta sexta (28), em São Paulo.
Empresa arrematante terá que investir R$ 60 milhões logo de cara.