Antipetismo



Para o historiador argentino Carlos Malamud, essa foi a “eleição da repulsa”, onde o eleitor, no fim das contas, votou mais por raiva do PT do que pelas ideias dos candidatos.