Queda



Por conta dos péssimos serviços e preços abusivos, TV por assinatura perdeu 2,5 mil contratos no Amapá entre agosto de 2017 ao mesmo mês de 2018.
Números são da Anatel.