Temeridade



“Acho que seria bom para o Amapá termos o Davi na presidência do Senado, por ter um poder muito grande e o Executivo depende muito da agenda que é conduzida pelos presidentes da Câmara e do Senado, mas por outro lado a candidatura do Davi conta com o apoio do Bolsonaro, que tem uma agenda contrária aos interesses de importantes segmentos da sociedade”.
Camilo (PSB)