Absolvidos



TRE-AP julgou improcedente ação do MPE contra Edna Auzier e o pastor Ronaldo Júnior.
Decisão, unânime, afasta sombra de cassação do mandato e deixa deputada mais tranquila pra cumprir promessas de campanha.