Fim da mordomia



Se passar projeto de Randolfe, já em tramitação, senadores, ex-senadores, seus cônjuges e dependentes perderão o plano de saúde do Senado.
Também altera o SIS, deixando parlamentares com os mesmos direitos dos servidores.