Condenação



Já com domicílio no Iapen, Moisés e Edinho recebem mais uma condenação, junto com uns e outros com expediente no legislativo estadual.
Por exagero em gastos não justificados à conta da rubrica de comunicação.
Juntos terão que ressarcir quase R$ 18 milhões ao erário.