Paz



Randolfe não descarta um lero com Capiberibe, apesar das rusgas de campanha.
“Porque o Amapá precisa que forças políticas se deem as mãos e aproveitem ventos a nosso favor, com Davi como presidente do Senado”, disse.