Trenzinho



Davi trouxe em sua companhia 8 servidores do Senado na atual viagem ao Amapá.
E só com diárias, os gastos com eles (assessores) estão sendo estimados em R$ 53,3 mil, segundo o Estadão.