Inexperiência



Diz a Folha que Abraham Weintraub, o novo do MEC, era braço direto de Lorenzoni no gabinete civil. É muito próximo de Flávio Bolsonaro e teve indicação validada pelo guru Olavo de Carvalho.
Tido como inexperiente em discussões de educação, já pesa sobre ele o temor de que ações do setor continuem em ponto morto.