Rombo



MP-AP entrou com ação de improbidade contra um ex-diretor do Caixa Escolar de Sete Ilhas (Pedra Branca do Amaparí) —acusado de surrupiar quase R$ 700 mil entre 2014 e 2017.
Apesar de novas tecnologias implementadas pelo GEA roubalheira continua, infelizmente.