Ganhos



“Tínhamos que discutir, por exemplo, o imposto sobre herança, que no Brasil é de 5% a 8% e nos países desenvolvidos chega a 40%. Se aumentássemos para 15%, 20%, teríamos pelo menos 300 bilhões de reais desse 1 trilhão que o ministro Guedes está propondo”, pontua Randolfe.