Desobediência



Desembargador Rommel considerou inaceitável e claro descumprimento de ordem judicial pelo Sinsepeap e manda bloquear R$ 1,2 mi de suas contas bancárias em razão da greve dos professores.

Sinsepeap vai recorrer.