Tudo indica



Pelo cheiro da brilhantina, Macapá Hotel acaba mesmo virando mais uma ‘repartição pública’.

Não é uma boa ideia, logo fora do meu placar.