Entreouvido



Semana que vem vai ser decisiva para o PP definir posições na base do governo WGóes.
Queixas são muitas por conta do distanciamento imposto pelo Setentrião ao primeiro escalão.

Distância



Dilma e Lula são dois sacrossantos que hoje em dia jamais levaria pra brincar com meus netinhos.
Apesar de ainda tidos por uns, outros e terceiros, como invioláveis, intangíveis, intocáveis e invulneráveis.

Prefeitável



Não reeleito, mas com votação expressiva, Edinho Duarte, sem pedir ‘off’, já dá o tom.
Com o aval da executiva nacional do PP, vai à prefeitura, ano que vem.

Furto



Disney Silva (Secult) reclama do péssimo estado do Museu Indígena Kuahí, em Oiapoque.
Reforma foi interrompida por falta de pagamento e várias peças simplesmente desapareceram.

Mundo digital



 

Dados do IBGE, divulgados hoje, revelam que 43 por cento da população amapaense navega na internet.
Mais do que Pará e Amazonas, guardadas as devidas proporções, bem entendido.

Fusão



PSB e PPS viram partido único, mas ainda sem sigla definida —o que, em Macapá, leva Amanajás a optar por uma outra legenda, se candidato à prefeitura, por falta de afinidade política com capiberistas.

Contra-ataque



Mesmo confiante na sanção por inteiro, Randolfe já avalia como reagir, caso Dilma venha a vetar ítens da MP 660.

Novos ares



Com secretariado no apoio, de amanhã até domingo Clécio transfere a sede da Prefeitura de Macapá para o Bailique.

Articulada



Carregada de boas ideias e com muita sede de trabalho, Luciana Gurgel (PR) ornou meu reduto de trabalho no DA, hoje.
É mobília nova na AL, mas já desatando fio da imobilidade e, ao mesmo tempo, ajudando a formatar perfil mais crível no legislativo estadual.

Itinerante



A exemplo do que já vem fazendo interior adentro, Carlos Tork (TRE) confirma Sessão Plenária pra esvaziar gavetas e armários, em 13 de maio, no município de Santana.

Discussão



Também com cotovelos sobre a mesa da CPI do HSBC, no Senado, Randolfe é um dos que sabatinam o diretor-geral da PF, Leandro Daiello, amanhã, em Brasília.

Diálogo



Milhomen (PCdoB) e Joel (PT) trocando dedos de prosa em café da manhã no Ibis, hoje.
Joel: “… Sempre fomos 
companheiros .” 
Milhomen: “… Estamos adiantando conversa .”

Fardo



Ninguém suporta mais o peso da carga tributária, diz o economista Jurandil Juarez.