De olho


Pedro da Lua (PSC) promete não deixar pedra sobre pedra para culpar responsáveis pela incineração do corpo daquela criança, na Maternidade.Metralhadora dele aponta agora para a Tratalix, que faz coleta do lixo hospitalar do estado.

Chororô


Só tem crescido, ultimamente, lista de queixumes de prefeitos interioranos, na mesa de Waldez Góes, no Setentrião.Tadinhos.É a crise, governador!

Vergonha


Entra ano, sai ano, nada muda.Habitada por sindicatos na maioria ‘fantasmas’, até hoje a Fiap é uma instituição amoral, onde se pratica todo tipo de roubalheira e nunca disse a que veio.E isso a CNI não vê!Nojo.

Breu


E o povaréu continua querendo saber por que a cidade segue às escuras.Extra-oficialmente, da CEA só se escuta ser por culpa de empresa com quem terceirizou serviços, que não tem trocado luminárias queimadas … e coisa e tal.E aí?

No ar


Seguindo pegadas da Azul – Linhas Aéreas, a Gol, ainda sem dia marcado, passa a voar para Cayena, mas também a partir de Belém, ao invés de Macapá, como se pretendia.

Blindagem


“Sei suportar pressões e até injustiças”, desabafa Dilma em programa do PT, recentemente.

Blitz


Logo, logo Waldez bota em marcha o seu “Governo em Ação”, com força-tarefa do Superfácil fazendo barulho estado adentro, inclusive com atendimento médico de casa em casa.

Enfim


Sem muito alarde, obras de construção do novo Aeroporto de Macapá já foram retomadas.Mas, não havendo novas interrupções, levam no mínimo dois anos pra ser dadas como acabadas.

Mea culpa


“Eu errei. Deveria ter escolhido o Jacques Wagner ou qualquer outro”, dispara Lula, já desiludido com Dilma.

Garantia


Diferentemente do que ocorre no RS, “no Amapá salário de servidor público não será parcelado”, garante o secretário Teles Júnior (Seplan).Se a vaca não tossir, né, secretário?!

Pronto, presente!


Do Conselho de ex-deputados, com teto na AL, Jorge Salomão é o mais assíduo na Casa.Outros, nem tanto.

Aperto


O que Teles Júnior (Seplan) ouviu de técnicos do ministro Levy (Fazenda), de Brasília.“Que ninguém se iluda: crise atual não acaba em menos de 4 anos.”Caramba, secretário!

Nunca


Liguei pro presidente Moisés, hoje, e o chamei de ‘prefeito’.Retrucou de bate-pronto: “Jamais. Nem que os deuses do Olimpo carimbem e assinem embaixo!”

E pode?


Sem um pingo de conteúdo o institucional do PTB, nos ares hoje, em rede nacional. E até praticando ilicitude eleitoral, ao prometer material gráfico em troca de filiação partidária.E isso o TSE não vê!