Aperto



Teles Júnior (Seplan): “Waldez já mandou cortar 40% de cargos comissionados
e contratos administrativos. Ordem é enxugar a máquina em benefício das pessoas”.