Tédio



Troquei alguns dedos de prosa com Telma Gurgel, que não se reelegeu em outubro.
Ainda meio assim com derrota, se disse já entediada com política e sem nenhuma vontade de voltar a disputar eleição.