Boato



Nove homens, da chamada inteligência da PF, já estariam há mais de 10 dias juntando papelório em pelo menos dois segmentos de poder no Amapá.
Dizem, né?!