Baixaria



Humorista Rafinha, já várias vezes penalizado por ‘piadinhas’ depreciativas e de baixo calão, dessa vez botou o Amapá em seu repertório de imoralidades.
Além da criancinha de um ano e meio (?), que, dito por ele, “fuma 25 cigarros por dia”, aqui, o insulto a seguir: 
“Se tivesse nascido na porra do Amapá, eu faria o que eu pudesse pra morrer o mais rápido possível!”.
E pode isso, Narson Galeno?!

{mp4remote}/images/from/2015/julho/baixa.mp4{/mp4remote}