Fase terminal



Com o promotor André Araújo à frente, MP volta a inspecionar saúde pública e conclui: “situação continua gravíssima!”.
Inclusive com UTI do HCAL já pela hora da morte, só dispondo de 5 leitos.
Ou seja, devagar, quase parando.