Faz tudo



Coisa anda tão difícil, que num dos restaurantes onde almoço, donos também servem como garçons e depois tomam assento no caixa pra receber o dinheiro da conta.
Na versão do futebol, leia-se ‘cobram escanteio e correm pra cabecear’.