Espera



Juíza Liége Gomes (1ª Vara Cível) negou pedido feito pela AL pra anular provas produzidas na Operação Eclésia.
Por falta de autorização do Plenário para ajuizamento da ação.