Pista



E já corre nas redes, que Patrícia Ferraz pegou ‘carona’ no processo de Haroldo Abdon (PPL), na Justiça, pelo qual, além de cobiçar mandato de Mira, também arrola Reátegui, de quem a então candidata do PSC é suplente.