Parcialmente



Moisés ganhou de 2 a 0, por votos de Lages e Gilberto, no pleno do Tjap hoje, no mérito do afastamento dele da presidência da Alap.
Mas com bater do martelo adiado, a partir de pedido de vista por iniciativa de Carmo Antônio.