Tesão



Rejeição de Gilvam (54%) preocupa, mas não esmorece ânimo de peemedebistas, reage coordenação.