Mercado



Como noutros estados, também no Amapá a procuradoria eleitoral corre atrás de grupos com domínio absoluto sobre partidos políticos, já transformados em negócios extremamente lucrativos, apesar de danosos para a democracia.
Pelas evidências, reveladas abusivamente, inclusive, busca logo, logo alcançará donos de condomínios partidários.