Abuso



Mais ainda de Socorro: “Nós não podemos tolerar tamanha agressão aos princípios da liberdade e dignidade da pessoa humana”.