Força tarefa



PMM criou comitê para avaliar eventos carnavalescos – em especial, viabilidade dos festejos tendo como foco impactos sobre a cidade, aspectos ambientais, econômicos, sociais e logísticos.
Só depois disso é que prefeitura autoriza ou não realização das festas.