Incentivos



Davi (DEM) e Randolfe (REDE) alinhavam com Viterbino (Fecomércio) e Cardoso (Sebrae) ações para evitar aprovação da MP 757, que cria taxas de importação em favor da Suframa.
Medida tem desagradado a gregos e troianos e, se aprovada, impactará negativamente a ZFV.