Isenção



Sávio Pinto: “Com a queda das prerrogativas, acredito que teremos isenção para investigar qualquer autoridade, que seja mesmo o Presidente da República, ou os governadores, entre outros. Se o foro cair, as investigações terão que ser liberadas sem pedido de autorização”.