Mãos limpas



WGóes levou 7 anos do céu ao inferno, sob desdita e mau-olhado, mas, ao fim e ao cabo conseguiu provar inocência em todas as denúncias pelas quais respondia na Operação Mãos Limpas, em Brasília.
A última delas foi rejeitada por goleada no STJ (4 a 0), em julgamento nessa quarta, 29.
E agora vai pra reeleição mais bem à vontade, sem ter que se explicar ante provocações de adversários políticos, comemoram aliados.