Inócuas



Para o advogado Bordalo Júnior, acusações sobre o Promotor Moisés não se sustentam por falta de provas, e desafia PF e MPF apresentarem ouro supostamente apreendido e pessoas que teriam sido vítimas de trabalho análogo ao escravo.